Desde 2003 o Projeto de Conservação do Papagaio-de-cara-roxa realiza censos populacionais da espécie no litoral do estado do Paraná, e em 2013 e 2014 realizou também o censo no litoral sul do estado de São Paulo.

Nesse ano, o censo foi realizado nos dias 30, 31 de maio e 01 de junho. Aproximadamente 50 pessoas, dentre elas voluntários, pesquisadores e moradores locais foram posicionadas ao redor dos dormitórios do litoral do Paraná e São Paulo, realizando quatro contagens durante os três dias. Os registros foram feitos ao amanhecer e ao entardecer, quando os papagaios se deslocam entre os dormitórios coletivos e os locais de alimentação.

No estado do Paraná as contagens foram feitas em seis dormitórios e foram registrados 5959 indivíduos, sendo que cerca de 70% da população estava em Unidades de Conservação de Proteção Integral, como o Parque Nacional de Superagui, em Guaraqueçaba, e a Estação Ecológica Ilha do Mel, em Paranaguá. Um fato preocupante é que em Guaratuba, onde se costumava registrar cerca de 25 indivíduos, nenhum foi avistado. No estado de São Paulo a contagem foi de 1492 indivíduos em sete dormitórios, sendo o maior registro dentro do município de Cananéia, 665 indivíduos.

Nas  ilhas do Pinheiro e Rasa, no Paraná, tivemos a visita técnica de Maria Rita Olyntho, responsável pela gestão de programas do Fundo Brasileiro para a Biodiversidade – Funbio, uma associação privada civil sem fins lucrativos que mobiliza recursos e oferece serviços em prol da conservação da biodiversidade e que apoia o Projeto de Conservação do Papagaio-de-cara-roxa em suas ações.

Também recebemos a visita da Luiza e do Pedro da Pan American Development Foundation – PADF.

Veja as fotos…

[nggallery id=27]